QUADRINHO | Confira os Vencedores do Prêmio Angelo Agostini 2018

terça-feira, fevereiro 06, 2018


Nesse final de semana (03) ocorreu uma das mais importantes premiações para o quadrinho nacional. O 34ª Prêmio Angelo Agostini ocorreu no Auditório da Biblioteca Latino-Americana do Memorial da América Latina na capital de São Paulo com entrada gratuita. 

O evento contou com a participação do desenhista uruguaio Diego Jourdan, além disso houve exposições, caricaturas, estandes e outros. Confia a seguir os vencedores de cada categoria:

Melhor desenhista: Mario Cau (Monstruário)
Reprodução
Vencedor duas vezes do Prêmio, Mario Cau é autor e ilustrador de histórias em quadrinhos. Esteve também na CCXP 2017, mesmo ano de lançamento pela editora Marsupial de "Monstruário". Por 50 reais você pode adquirir o primeiro volume da produção autografada clicando aqui.Confira a sinopse do quadrinho:

"Existem monstros no mundo, mas ninguém pode vê-los. O que existe por trás desse mistério?

Lúcia Drummond é uma burocrata.

Num mundo fictício onde medos e monstros são institucionalizados, sendo parte indissociável da identidade e Registro Geral da população, ela trabalha digitalizando antigas fichas dos Registros Civis de Monstros para o banco de dados do governo. Lá, em meio a colegas inconvenientes e uma tediosa rotina, descobre uma antiga ficha de uma pessoa sem monstro.

Ou seja, sem medo.

Seu inconformismo com o fato levará a uma investigação acerca desta misteriosa pessoa e ao encontro do excêntrico professor Aldo Finsternis, especialista em monstros, e a uma aventura cheia de mistério, suspense e terror, onde sua salvação e ruína podem ser seu medo particular."


Melhor roteirista: Marcelo Marchi (Bilhetes)


Reprodução
“Bilhetes” traz seis histórias, cada história foi ilustrada por um artista  diferente porém todas elas foram tiveram seus roteiros feitos por Marcelo Marchi. 

Com uma equipe renomada que realizaram trabalhos para a DC, Marvel e Disney por exemplo, Marchi trabalha com criação e redação além de ser colunista e cuidar de adaptações literárias.

O quadrinho traz um formado diferente, cada leitor encontrará no livro seis bilhetes cada um pertencentes a uma história porém um dos grandes diferenciais da obra é que o leitor não consegue desvendar a qual história cada bilhete pertence. Os personagens são de características fortes e que passam por várias reviravoltas marcantes. Em cada leitura o leitor realizará terá uma interpretação diferente e sentirá diversos sentimentos. O projeto estava no Catarse para ser lançado e felizmente foi concluído em novembro de 2017.

Melhor cartunista: Guilherme Bandeira (Razão e Emoção)
Reprodução
Guilherme Bandeira é bastante conhecido no Instagram e Facebook. Também é autor da série Objetos InAnimados além de cartunista também é publicitário. Sua carreira começou aos 16 anos quando realizada trabalhos para jornais e revistas. 

A obra "Razão vs Emoção" é produzido pelo o estúdio do autor Objetos InAnimados e publicado pela editora Meu Bolso.  Você pode obter essa e outras produções do autor clicando aqui. Confira a sinopse:

"Quem nunca serviu de palco para um embate entre Razão e Emoção? 
O cartunista Guilherme Bandeira resolveu dar vida para esta eterna briga. Quando um titubeia, o outro é implacável. Não existe descanso. 
O mundo é muito chato quando tudo é racional e vazio de emoções. 
Mas é a cabeça quem segura as pontas quando o coração aperta. 
Devore as páginas deste livro e descubra quem leva a melhor. 
(Já adianto, será você mesmo!) "

Melhor lançamento: Labirinto (Thiago Souto)
Reprodução

Lançado também em 2017, "Labirinto" também estava no Catarse para ser publicado. Você pode obter a produção por R$ 84,90 na Livraria da Travessa. Confira a sinopse:

"Renda-se a este labirinto. Os labirintos mais traiçoeiros guardam outros perigos além de seus percursos tortuosos. O quadrinista Thiago Souto sabe disso. Ele incluiu algumas armadilhas ao longo das páginas do álbum. O perigo mais imediato e hipnotizante é a arte da HQ. Os traços e ar cores do autor de Labirinto primam pela vivacidade. os tons e as linhas do universo concebido por Souto beiram uma organicidade quase tátil. A trama é ardilosa. Os encontros e desencontros de Góreck e Nico tratam de temas primordiais como amizade, amadurecimento, consciência e memória. É uma jornada de apelo universal. Outra artimanha engenhosa, digna dos encantos mais fortes. Mais do que tudo, a saga de inspiração e esperança concebida por Souto é uma ameaça ao mundo de conformismo e pessimismo crescente em que vivemos. Meu conselho? Renda-se a este Labirinto."

Melhor lançamento independente: Bilhetes (Paulo Borges)
Reprodução
Confira o booktrailer da produção:


Melhor Web Quadrinho: Na mira da Lena (Luciano Freitas)
Reprodução
Publicado até mesmo em uma revista francesa, "Na mira da moda" inicialmente vinha com a proposta de mostrar como as pessoas lidavam com a moda. Esse projeto havia surgido em 2013 e foi ganhando força e aos pucos se transformando no que conhecemos hoje "Na mira da Lena". Uma personagem feminina marcante, realista e engraçada que trata em suas tramas assuntos latentes na sociedade. Além de tirinhas, possui também seu próprio canal no Youtube com as animações da história.

Melhor Fanzine sobre Quadrinhos: Tchê (Denilson Rosa Reis)
Reprodução
Em 2007, a fanzine completou 20 anos de atuação. Considerado um dos mais antigos do Brasil a produção publica mensalmente histórias de autores independentes. O autor Denilson Reis é também professor de História, guitarrista da banda de blues Ferro Velho e responsável pelo antigo site A Trincheira

Prêmio Jayme Cortez: Fabio Tatsubô (Gibiteca de Santos)
Reprodução
O trabalho da Gibiteca de Santos se destacou em 2017 com o trabalho de Fábio Tatsubô. Desde 1991 Tatsubô  produz materiais com a temática histórica e institucional. Ganhador do Troféu HQ MIX nos anos 2000 com o projeto 500 Anos de Brasil em Quadrinhos também foi  subeditor da revista Mangá Kids.

Tatsubô teve trabalhos publicados em diversas revistas brasileiras e também no Japão e Portugal, foi responsável pela Gibiteca Bigail em São Vicente, entre 2000 a 2006. Logo mais, coordenou a Gibiteca Marcel Rodrigues Paes, em Santos, entre 2013 a 2017. Nesse período foram registradas de Tatsubô mais de 800 atividades neste período.


Mestres:
José Alberto Lovetro (Jal)
Reprodução


Cartunista, roteirista jornalista e presidente da Associação dos Cartunistas do Brasil. Teve sua carreira iniciada em 1973 no jornal Folha de S.Paulo e posteriormente realizando trabalhos para o jornal O Estado de São Paulo e DCI. Também trabalhou em diversas emissoras de televisão como a TV Cultura, TV Tupi, The Brazilians (nos Estados UnidosTV Bandeirantes, TV Gazeta e TV SENAC/SESC. Já em revistas, atuou no Pasquim, Revista Sem Fronteiras (na Holanda e Bélgica), DCI,  Revista Semanário, e claro, na Rádio Tupi


Além disso, foi um dos fundadores da Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC - ESP) e responsável pelo Prêmio Angelo Agostini. Posteriormente fundou o Troféu HQ Mix e do qual se tornou uma das mais importantes premiações no Brasil para os quadrinhos. 

José Menezes 
A esquerda, José Menezes sendo homenageado em 2013 na cidade de Petrópolis/Reprodução 


Ilustrador, José Menezes idealizou projetos para a Rio Gráfica Editora, criando personagens como Flecha Ligeira, Jim das Selvas de Alex Raymond e O Fantasma de Lee Falk. Criou também o personagem Kung Fu  nos anos de 1970 na revista de mesmo nome. Nos anos 1980 ilustrou a revista He-Man da Editora Abril e artes da linha de brinquedos Masters of the Universe da Mattel.


Floreal
Infelizmente não encontrei informações sobre esse homenageado, o que me deixou bem triste. Mesmo assim, estou procurando entrar em contato com os idealizadores do prêmio para obter informações. 
Peço também sua ajuda, se você tiver informações sobre ele não deixe de colaborar com o blog :)

Marcelo Cassaro
Reprodução

Roteirista e editor de ficção científica, Marcelo Cassaro teve seu inicio nos quadrinhos da Turma da Mônica, também esteve na Editora Abril trabalhando nos quadrinhos do Zé Carioca. Para a televisão, realizou produções para os personagens  Maskman, Jaspion, Spielvan, Black Kamen Rider, Changeman e Cybercop na revista Heróis da TV. Foi também editor das revistas Progames e Gamers da Editora Escala. 

Veja Também!

0 comentários

Posts recentes

Direto Do TWITTER

INSTAGRAM